Indiana – Programa Pequenas Empresas & Grandes Negócios (PEGN)


Uma boa opção para quem quer investir no negócio próprio é apostar nas máquinas de pequeno porte, baixo custo e fácil operação. A máquina que faz salgadinhos e massas, por exemplo, pode ser usada para abrir um negócio ou aumentar a produtividade de uma empresa. Na feira de padarias e confeitarias, estas máquinas causam sensação. Em uma empresa, por exemplo, o tradicional ravióli- receita da mama, sai na medida exata e com o recheio na quantidade certa. Mas a máquina mais procurada é a de fazer salgados e doces. Panificadores, donos de restaurantes, buffets e lanchonetes olham curiosos a novidade que pode trazer mais lucro e agilidade à produção. Quem fechou negócio já faz as contas da lucratividade. “O que 5 funcionários poderiam fazer, um só vai fazer. E com esse rendimento tenho condições de investir em outros setores de meu estabelecimento,” revela o panificador Fernando Tavares. A máquina de salgados e doces é fabricada nesta indústria em São Paulo. A dona da fábrica diz que a procura pelo equipamento é de empresários que querem abrir o próprio negócio e até de grandes empresas. A máquina é também exportada para países como estados unidos, Argentina, Uruguai, Portugal e Itália. “Esse mercado abriu e cada vez está crescendo mais. A pessoa hoje quer trabalhar e quer crescer, quando ela abre um negócio ela quer lucrar e essa máquina realmente dá um lucro muito bom,” revela Nancy de Biasi. Nesta confeitaria, os doces e salgados sempre foram produzidos à mão. A salgadeira

Resultados patrocinados para: Negócios

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. fabio disse:

    Para quem está pensando em abrir uma empresa ou formalizar um negócio, este artigo tem tudo o que você precisa saber para começar (documentos, procedimentos, tipos de sociedade etc). Recomendadíssimo:

    https://oquefazer.net/o-que-fazer-para-abrir-uma-empresa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *