A boa comunicação facilita as negociações

Por Soeli de Oliveira

 Saber ouvir é o segredo de uma boa comunicação. Infelizmente poucos negociadores são bons ouvintes e perdem com isto, uma boa oportunidade de fazerem melhores negócios. As estatísticas mostram que o ouvinte normal lembra apenas de 50% do que foi comunicado. Seja diferenciado: ouça agressivamente!

 Para  negociar, é preciso saber se comunicar. A comunicação nem sempre ocorre como esperamos. Muitas vezes as informações são transmitidas de forma confusa, com omissões ou deturpações de linguagem. Existem barreiras que podem impedir a transmissão das informações de forma correta. Bons negociadores sabem que uma comunicação clara e correta é fundamental para a realização de bons negócios! 

Os entraves são ruídos que impedem ou prejudicam  a boa comunicação entre as pessoas ou grupos. Os especialistas em comunicação relacionaram diversos fatores que interferem ou impedem uma boa comunicação, que são:

 – As barreiras pessoais e emocionais.   Envolvem idéias pré-concebidas, preconceitos, motivação, sentimentos pessoais ou problemas individuais.

 – Barreiras físicas. São as interferências oriundas do meio, tais como local barulhento, interrupções geradas pelo telefone ou por outras pessoas.

 – Barreiras semânticas. São problemas de interpretação das palavras, gestos e sinais utilizados, em virtude da cultura e dos conhecimentos dos envolvidos.  

 – Omissões. Ocorre quando aspectos importantes da comunicação não são transmitidos, fazendo com que a comunicação não seja completa ou seu significado não fique claro.

– Distorções. Alterações ou modificações que a mensagem sofre, fazendo com que a comunicação não seja completa ou seu significado não fique claro.

 – Sobrecarga. Quando o volume de informações é excessivo.

 Além dos fatores relacionados com a comunicação, três outros entraves são apontados como críticos nas negociações:

 O Descontrole  das Emoções

 Para negociar bem, é fundamental controlar as emoções.   Uma das principais causas de impasses ou de acordos inadequados é o descontrole emocional.

A Falta de Confiança Mútua

 Com desconfiança as negociações são lentas e cautelosas, necessitando de comprovações e garantias. Lembre-se: sem confiança, os acordos alcançados ficam difíceis  de ser implementados e mais vulneráveis no futuro!

 As Metas Incompatíveis

 Quando as metas iniciais de cada negociador estão muito distantes uma da outra, o processo muitas vezes é prejudicado ou nem se inicia.

 Dicas para uma boa Comunicação

 – Preocupe-se com o local adequado para negociar;

– Evite que  problemas pessoais e idéias preconcebidas influenciem a forma como você escuta o outro negociador;

– Certifique-se de que está entendendo a  mensagem que está querendo passar e vice-versa;

–  Peça esclarecimentos sobre respostas muito resumidas e pergunte o que não ficou claro;

    impede um precioso fluxo de informações;

– Fique atento à comunicação não verbal.   Observe se o que está sendo dito é compatível com a mensagem que o corpo do outro negociador está enviando.

 É Preciso Ser Ético Acima de Tudo

 Ética envolve o respeito aos valores pessoais e sociais nas atitudes dos seres humanos. É respeitar suas as crenças e valores da sociedade. Ser ético nada mais é do que agir direito, proceder bem sem prejudicar os outros, é estar tranqüilo com a consciência pessoal.

Nas negociações, observe três aspectos em relação à ética:

 

 

 

Resultados patrocinados para: Negócios

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *