Você gere ou digere seu consultório

Você Gere ou Digere seu Consultório?Esta frase ficou na minha cabeça depois de conversar com vários colegas de profissão. Percebi que passamos todo o nosso tempo de atividade profissional digerindo o que fazemos. Algo que a princípio deveria nos proporcionar prazer, torna-se desgastante com o tempo. Por que isto acontece? Por que passamos anos e mais anos, em nossas reuniões de grupo, sempre reclamando da situação do mercado? As frases são sempre as mesmas: “que está difícil fechar o mês”, “que faltam clientes”, entre outras; enfim, não somos nem criativos nas reclamações! Somos acomodados. Acreditamos que ao receber o diploma de nível superior, somos“Doutores”, como se este título quisesse dizer: plenos conhecimentos; não precisa estudar mais, o que você já fez, está bom; afinal você é Doutor! Decidi então anotar as principais queixas, o que não foi uma tarefa nada difícil, posso destacar as mais freqüentes: “não está produzindo o que poderia”; “não está sendo recompensado como deveria”; “enfrenta dificuldades em questões administrativas”; “problemas com funcionários desmotivados”; “funcionários não atendem bem aos clientes”; “deseja maior autonomia profissional”; “deseja melhor qualidade de vida”; “deseja reconhecimento profissional”; “deseja melhor retorno financeiro”. Não existe nada de novo! Nem as reclamações! Então o que fazer? No mínimo, precisamos mudar de atitude; mas qual seria esta atitude? Entender o que é gestão. Não resta a menor dúvida que a GESTÃO, passa a ser o grande diferencial, para os profissionais que desejam ficar no mercado de trabalho, principalmente com seus escritórios particulares. Que não seja um profissional que fica a vida toda “correndo atrás de pagar as contas no fim do mês”. Mas para isto, o profissional tem que estar preparado para saber: qual a quantia que está entrando no seu negócio; qual a quantia que está saindo; está saindo mais do que entra; quanto custa sua hora técnica; qual o custo da sua hora parada; entre tantas outras. Será que agora este profissional começa a perceber que ele precisa reciclar seus conceitos de administração de escritório? Que isso é um negócio, que seu local de trabalho é uma empresa? Que com a sua mudança de atitude ele irá parar de reclamar, do excesso de faculdades; do preço dos materiais, da concorrência, etc, e passará a entender que a necessidade de gerir seu negócio é um instrumento de diferenciação. O mundo globalizado está solicitando do profissional, que ele entenda que existe um novo modelo de gestão, onde há a necessidade de integração total da equipe visando a busca pela qualidade de vida do cliente, passando a ser este o alvo, em questão. Existe todo um processo voltado para o cliente, visando resultados significativos com baixo risco, ou seja, pouco investimento com bom retorno; mas para tanto, mudanças radicais de gestão devem ser implantadas, como a flexibilização na rigidez das estruturas hoje atuantes. ADMINISTRAR OU GERIR UM ESCRITÓRIO? ADMINISTRAR → Conjunto de princípios, normas e funções que tem por finalidade ordenar os fatores de produção e controlar a sua produtividade e eficiência, para se obter determinado resultado (Aurélio). Isto significa dizer que é uma administração funcional, burocrática. Durante muito tempo esse modelo burocrático funcionou, porque resolvia problemas fundamentais: dava segurança e estabilidade, criava empregos e fornecia serviços elementares. GERIR → Ato de gerir; de fazer, de dirigir, de reger, de administrar ( Aurélio ). Gerir significa desenvolver estratégias financeiras, de recursos humanos, de comunicação, influenciar na concepção de comunicação, influenciar no comportamento de todas as pessoas que compõem o corpo de servidores, e buscar soluções planejadas estrategicamente. Esta nova geração de profissionais tem que entender, que não dá mais para abrir seu escritório, trabalhar e pagar suas contas, ou seja, administrar. Tem que ter uma atitude de flexibilidade. Acompanhar a globalização. Ele precisa se atualizar, entender que é fundamental para quem quer sobreviver nesta sociedade, tem que GERI-LO como uma Empresa. Precisa entender a necessidade de um plano de negócio, definindo projetos, produtos, saber elaborar uma boa estratégia de Marketing. Para isso há a necessidade de saber trabalhar o marketing. Não confundir marketing com propaganda. MKT é se comunicar com o mercado, é entender o que está acontecendo no mercado. Seria inapropriado vender peixe num mercado exclusivamente de flores. Saber como ocorrem as vendas, quem são os concorrentes, o preço executado, diferenciais que podem ser explorados: como quais os pontos fortes e fracos da concorrência, entre outros. Precisa saber que lucratividade nada tem a ver com entrada de rendimentos. Conheço situações de escritórios com excelentes entradas e que a lucratividade é negativa, e acham que o mercado está em crise, quando na verdade a crise é dele própria; está gastando mais do que entra. Não há lucro! Isto sem contar que ele na maioria das vezes ele nem sabe dizer qual é o seu custo/hora, custos fixos e custos variáveis; como formar o preço de seu serviço e/ou produto; e um demonstrativo de resultado, quando o valor que foi investido no seu negócio terá retorno, e assim sucessivamente. Ele precisa conhecer sua empresa e não meramente trabalhar nela e desta forma ter condições de responder se sua empresa é economicamente viável. Precisa entender que fatores como: qualidade, inovação, bom serviço com um custo razoável; qual a importância, melhorar continuamente seu produto, buscando com isto a fidelização do seu cliente, hoje em dia tido como fator fundamental para a rentabilidade , além do que este cliente será o melhor marketing de relacionamento para aquisição de novos clientes, pois ele não se encontra só satisfeito com o serviço recebido, mas ENCANTADO, principalmente com o nível de qualidade e conscientização de serviços e ou produtos, que lhe foi oferecido a um custo muito baixo. Dra. Maria José Carvas Pedro DentistaPhd e Ms em Administração de Empresas Gestão de Consultórios www. biteright. com. br

Resultados patrocinados para: Negócios

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. julho 18, 2010

    Voc: Você Gere ou Digere seu Consultório?Esta frase ficou na minha cabeça depois de conversar com vários colegas d… http://bit.ly/bDMNJS

  2. julho 18, 2010

    Voc: Você Gere ou Digere seu Consultório?Esta frase ficou na minha cabeça depois de conversar com vários colegas d… http://bit.ly/bDMNJS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *